A História da Tequila

Tequila é uma bebida alcoólica destilada feita da agave-azul, primariamente na região da cidade de Tequila no estado mexicano de Jalisco, a 65 quilómetros a nordeste de Guadalajara.

O solo vulcânico vermelho da região circundante é particularmente propício ao crescimento do agave-azul, e mais de 300 milhões de plantas são colhidas todo ano. Agave tequilana cresce diferentemente dependendo da região. Agaves-azuis plantadas em áreas altas são maiores e mais doces em aroma e sabor. Agave das áreas mais baixas tem um sabor e fragrância mais herbáceos.

Pelas leis mexicanas a tequila pode ser produzida apenas no estado de Jalisco e em regiões limitadas de Guanajuato, Michoacán, Nayarit, e Tamaulipas. O México clama o direito internacional exclusivo da palavra "tequila", ameaçando ações legais contra produtores de destilados de agave-azul em outros países.

Tequila é freqüentemente feita com um conteúdo alcoólico de 38–40%, mas pode ser produzida entre 31–55%.

A Tequila é base do coquetel americano número 1, a Margarita. È encontrada nas versões ouro e prata. Para ser legítima, deve conter no mínimo 51% de agave, podendo chegar a 100%. Quanto maior a proporção de agave, melhor e mais cara é a bebida. Acredita-se que, já no século XII, a planta era usada no preparo de uma bebida que seria a precursora da tequila, o pulque. Bebida à base de agave fermentada, era usada em rituais. Havia punições severas para quem consumisse a bebida por puro prazer. Quando os conquistadores espanhóis chegaram ao México, no século XVI, levavam com eles as técnicas de destilação e passaram a destilar o pulque, em vez de fermentar, tornando a bebida mais parecida com a tequila que conhecemos hoje. No “século XVIII, o empresário José Cuervo começou a engarrafar e comercializar o destilado.”

Conheça Também:

Imigrantes Bebidas
Cl do Whiky
Vodkas.com.br
cervejanacionaleimportada.com.br
Adega do Vinho
Alambique da Cachaa
Absintos.com.br
6780204